Category: Technology, Video, Networks

Region: América Latina

Translations: en, fr, de, es, pt

3 min read

SES-10 é lançado com sucesso em um foguete reutilizado Falcon 9, da SpaceX

Written on 31 Mar 2017


SES-10, situado a 67 graus Oeste, irá fornecer transmissão diretamente para lares e empresas, e serviços de mobilidade em toda a América Latina

KENNEDY SPACE CENTRE, FLÓRIDA, 30 DE MARÇO DE 2017 – A SES (Euronext Paris e Bolsa de Valores de Luxemburgo: SESG) anuncia que o satélite SES-10 foi colocado em órbita com sucesso a bordo de um  foguete orbital reutilizado (que já havia sido usado em um lançamento anterior e retornado com sucesso à terra)  Falcon 9 da SpaceX, às 18:27 EST partindo do Kennedy Space Center, Florida. O SES-10 é o primeiro satélite comercial geoestacionário lançado em um foguete jácomprovado emvoo  anterior.

Com uma carga útil de banda Ku de 55 transponders (cada um equivalente a 36MHz), dos quais 27 são incrementais, o veículo espacial multitarefas é o primeiro satélite da SES totalmente dedicado à prestação de serviços para a América Latina, incluindo o Brasil. Os feixes flexíveis de alta potência do SES-10 aumentarão a capacidade da SES na região, fornecendo transmissão para lares e empresas, e serviços de mobilidade.

O SES-10 vai substituir a capacidade fornecida atualmente por outros satélites da SES na posição 67 graus Oeste, além de aumentar a capacidade para o México, América Central, América do Sul e o Caribe.

Conforme acordo com a Comunidade Andina (Bolívia, Colômbia, Equador e Peru), o satélite irá operar como o Simón Bolivar 2 da Comunidade Andina, fornecendo capacidade de satélite para cada país andino. O projeto de satélite Andino vem de interesses  dos Estados-membros de ter uma rede de satélite comum aproveitando os recursos Andinos do espectro a 67 graus oeste.

“O sucesso do lançamento do SES-10, na primeira missão da SpaceX com um foguete com comprovação de voo, abre uma nova era para voos espaciais. Temos orgulho da parceria com a Space X nessa jornada de inovação e uso de foguetes reutilizáveis, que aumentarão a eficiência do acesso ao espaço, em termos de custo e gerenciamento da fila de espera de lançamentos ”, diz Martin Halliwel, Diretor de Tecnologia da SES. “A capacidade adicional oferecida pelo SES-10 é ideal para o fornecimento de serviços  de televisão, com melhor qualidade de imagem, além de serviços de banda larga mais rápidos – ambos serão aproveitados por milhões de pessoas na América Latina e no Caribe”.

“Estamos muito felizes com o  lançamento bem-sucedido de um voo Falcon 9 reutilizado. Este é um marco histórico no caminho para a reutilização rápida e completa”, disse Gwynne Shotwell, presidente e COO da SpaceX. “Estamos satisfeitos por ter realizado este marco com a SES, que sempre apoiou a SpaceX ao longo dos anos”.

O SES-10 foi construído pela Airbus Defence and Space com base na plataforma Eurostar E3000. O satélite irá utilizar um sistema de propulsão elétrica a plasma para manobras em órbita e um sistema químico para entrada inicial em órbita e algumas manobras em órbita.

Check SES-10 Newsroom here

 

Para mais informações, por favor, contate:

Markus Payer

Corporate Communications

Tel. +352 710 725 500

[email protected]

 

Siga-nos no:

Twitter: https://twitter.com/SES_Satellites

LinkedIn: https://www.linkedin.com/company/ses

Facebook: https://www.facebook.com/SES.Satellites

YouTube: http://www.youtube.com/SESVideoChannel

Blog: https://www.ses.com/news/blogs

Media Gallery: https://www.ses.com/media-gallery

SES White papers disponíveis em: https://www.ses.com/news/whitepapers

 

Sobre a SES

A SES é a principal operadora de satélites do mundo, e a primeira a fornecer GEO-MEO diferenciado e escalável em todo o mundo, com mais de 50 satélites em Órbita Geoestacionária (GEO) e 12 em Órbita Terrestre Média (MEO). Com foco em soluções “end-to-end” de valor agregado em quatro setores importantes do mercado (Vídeo, Corporativo, Mobilidade e Governo), a empresa fornece serviços de comunicação via satélite para emissoras, prestadores de serviços de conteúdo e internet, operadoras de redes fixas e móveis, governos e instituições, e empresas no mundo todo. O portfólio da SES inclui o sistema de satélites ASTRA, que tem o maior alcance de televisão DTH (Direct-to-Home) da Europa, e a O3b Networks, um provedor global de serviços gerenciados de comunicação de dados. Outra subsidiária da SES, a MX1, é uma importante provedora de serviços de mídia e oferece um conjunto completo de serviços inovadores de mídia e vídeos digitais. Mais informações estão disponíveis em www.ses.com

 

Sobre a Comunidade Andina

A Comunidade Andina é um processo de integração multi-nacional, fundado em 1969, sob o acordo de Cartagena. CAN é composta por quatro Estados-Membros: Bolívia, Colômbia, Equador e Peru. O processo de integração da Comunidade Andina inclui várias instituições com o objetivo de reforçar a integração dos Estados-Membros e de alcançar um desenvolvimento mais equilibrado e autônomo socioeconômico.  Desenvolvimento de telecomunicações é uma prioridade para a Comunidade Andina e é considerado uma pedra angular deste processo de integração. Para a Comunidade Andina, esse lançamento representa um marco significativo no sentido da realização dos objetivos do acordo de Cartagena e, em particular, o objetivo da integração regional.

About SES

SES is the world-leading satellite operator and the first to deliver a differentiated and scalable GEO-MEO offering worldwide, with more than 50 satellites in Geostationary Earth Orbit (GEO) and 12 in Medium Earth Orbit (MEO). SES focuses on value-added, end-to-end solutions in four key market verticals (Video, Enterprise, Mobility and Government). It provides satellite communications services to broadcasters, content and internet service providers, mobile and fixed network operators, governments and institutions, and businesses worldwide. SES’s portfolio includes the ASTRA satellite system, which has the largest Direct-to-Home (DTH) television reach in Europe, and O3b Networks, a global managed data communications service provider. Another SES subsidiary, MX1, is a leading media service provider and offers a full suite of innovative digital video and media services. Further information available at: www.ses.com

About the Andean Community

The Andean Community is a multi-national integration process founded in 1969 under the Cartagena Agreement. CAN is comprised of four Member States: Bolivia, Colombia, Ecuador and Peru. The Andean Community’s integration process includes several institutions all with the objective of strengthening integration of the Member States and achieving more balanced and autonomous socio- economic development.  Telecommunications development is a priority for the Andean Community and is considered a cornerstone of this integration process. For the Andean Community, this launch represents a significant milestone towards meeting the objectives of the Cartagena Agreement and, in particular, the goal of regional integration.


Written on 31 Mar 2017

Share