Category: Technology

Region: América Latina

Translations: en, fr, de, es, pt

3 min read

Satélite SES-10 entra em operação total na América Latina

Written on 15 May 2017


Primeiro satélite a ser lançado usando um foguete testado em voo da SpaceX disponibilizará capacidade para DTH (Direct-to-Home), empresas e serviços de mobilidade

LUXEMBURGO, 15 de maio de 2017 -- A SES (Bolsa de valores Euronext de Paris e de Luxemburgo: SESG) divulga hoje que o satélite SES-10 já está totalmente operacional na posição espacial 67 graus Oeste, e atende aos mercados na região da América Latina.

O SES-10 foi lançado do Centro Espacial da NASA na Flórida (EUA) em 30 março de 2017, a bordo de um foguete Falcon 9 testado em voo da SpaceX. O satélite é o primeiro da linha comercial geoestacionária lançada em um propulsor de foguetes de primeira fase testada em voo. Desde então, o funcionamento impecável da aeronave foi confirmado em testes extensos realizados em órbita.

O SES-10 foi construído pela Airbus Defence and Space e está baseado na plataforma Eurostar E3000. Essa espaçonave empregada em missões variadas é o primeiro satélite da SES a prestar serviços exclusivamente para a América Latina e possui uma carga útil de 55 transpopnders equivalentes a  36 MHz na banda Ku, 27 dos quais incrementais. Os feixes de alta potência do SES-10 expandirão os recursos da SES em toda a região, disponibilizando difusão direta para os domicílios, empresas e serviços de mobilidade para o México, a América Central, América do Sul e o Caribe.

Em relação aos acordos com a Comunidade Andina (Bolívia, Colômbia, Equador e Peru), o satélite será operado como o Simón Bolivar 2 da Comunidade Andina, fornecendo recursos de satélite para membros do Estado andino. O projeto de satélite andino se originou em interesses compartilhados por seus países membros de ter uma rede de satélites em comum, para aproveitar as vantagens do espectro a 67 graus Oeste.

 

SES

Markus Payer
Corporate Communications
Tel. +352 710 725 500
[email protected]

 

Siga-nos no:

Twitter: https://twitter.com/SES_Satellites
LinkedIn: https://www.linkedin.com/company/ses
Facebook: https://www.facebook.com/SES.Satellites
YouTube: http://www.youtube.com/SESVideoChannel
Blog: https://www.ses.com/news/blogs
Galeria de mídia: https://www.ses.com/media-gallery
Os white papers da SES encontram-se disponíveis no site: https://www.ses.com/news/whitepapers

 

Sobre a SES

A SES é uma operadora de satélites líder no mundo e a primeira a oferecer a carteira de GEO-MEO diferenciada e escalável em todo o mundo, com mais de 50 satélites na Órbita Terrestre Geoestacionária (GEO) e 12 na Órbita Terrestre Média (MEO). A SES está focada em soluções ponta a ponta de valor agregado em duas unidades empresariais principais: SES Video e SES Networks. A empresa oferece serviços de comunicação via satélite para emissoras, fornecedores de serviços de conteúdos e internet, operadoras de redes de telefonia fixa e celular, bem como para governos e instituições. O portfólio da SES inclui o sistema de satélites ASTRA, que possui o maior alcance de televisão DTH (Direct-to-Home - diretamente para o domicílio) na Europa, redes O3b, um prestador de serviços de comunicação de dados gerenciados e o MX1, importante provedor de serviços de mídia que oferece um pacote completo de serviços de vídeo digital e mídia inovadores. Para mais informações, visite o site: www.ses.com

 

Sobre a Comunidade Andina

A Comunidade Andina é um processo de integração entre várias nações fundado em 1969 mediante o Acordo de Cartagena. O CAN é compreendido por quatro Estados membro: Bolívia, Colômbia, Equador e Peru. O processo de integração da Comunidade Andina inclui várias instituições, todas elas com o objetivo de fortalecer a integração dos Estados membros e alcançar um desenvolvimento socioeconômico mais equilibrado e independente. O desenvolvimento das telecomunicações é uma das prioridades da Comunidade Andina, sendo considerado uma pedra angular nesse processo de integração. Para a Comunidade Andina, o SES-10 representa um marco significante em prol do alcance dos objetivos do Acordo de Cartagena e, principalmente, da meta de integração regional.

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.


Written on 15 May 2017

Share